Autor Tópico: Puxadores em inox  (Lida 642 vezes)

pajo

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1383
    • Ver Perfil
Puxadores em inox
« em: Sábado, 01 de Julho, 2017, 00:24:51 am »
Viva companheiros.

Antes de decidir abrandar com a bricolage, estava-me a preparar para construir uns puxadores para o meu móvel de casa de banho.

Por um motivo ou outro, adiei a construção destes puxadores durante alguns anos, mas desta foi de vez.

Comecei por cortar o material nas medidas desejadas.
Para tal tive de modificar a habitual geometria do engenho de furar, para poder suportar os varões de cerca de 500mm de comprimento 12mm de diâmetro.



Para tal, resolvi  usar um bucin de caixa elétrica como marcador de precisão para apoiar a lamina do serrote, enquanto o engenho de furar  rodava.
Apesar de usar folhas de serra HSS bimetal, é (foi) muito dificil cortar o varão de inox.



Acabei por colocar uma anilha para proteger o plástico e usar um metodo mais eficaz  8)



A força da rebarbadora é implacável.
A foto é que ficou muito fraca.



E o acabamento dos topos ficou impecavel



Um pouco de acabamento nas arestas com uma lima murça, e com o engenho a trabalhar. E a 1@ fase esta concluida





Na 2@ fase vou abrir os furos para os pernos (distanciadores)

Para esta operação, usei um bloco de ferro (macio) onde na lateral furei à medida da espessura do varão  (12mm) e em perpendicular fiz um furo guia de 4 mm (este furo só acertei com o centro do outro ao fim de algumas tentativas >:( )
Todo este trabalho preparatório, serve para que os furos que vou fazer no varão redondo nao tenham tendência a desalinhar, uma vez que o aço inox é cerca de 2,5 vezes(se não me engano )mais rijo que o ferro normal.
A seguir marquei os furos e introduzi o varão no bloco/guia até a marcação ficar alinhada com o furo perpendicular.
E fiz o 1° furo com 8/9mm de profundidade.



Retirei o varão para fazer o 2° furo pelo mesmo processo, mas para garantir e verificar que os dois furos ficam perfeitamente alinhados, usei uma 2@ broca no 1° furo e a estrutura do engenho de furar como referencia para manter a verticalidade.



Depois de fazer os furos piloto alarguei todas as furações para 5mm, e dar inicio a mais uma etapa.


Nesta 3° fase, abri roscas com um macho de 6mm, para mais tarde enroscar os espaçadores/distanciadores
Protegendo sempre os varões de inox dos mordentes do torno com umas chapas de alumínio.

 

Como o inox e mais rijo que o aço, abrir roscas é um pouco mais dificil.
Como os machos de que dispunha eram de aço carbono, acabou por acontecer um pequeno contratempo, parti o macho 😨😨😨😡😡.



À cautela que alguma coisa corresse mal tinha comprado material a mais, e depressa fiz uma peça nova, tinha tambem machos suplentes mas de qualidade duvidosa e ... Depressa tirei as duvidas, parti outro macho 😠😠😠😈😈😈😈 (creio que foi nesta altura que algumas ferramentas ganharam asas e devo ter dito algumas palavras menos simpaticas.)
E lá tive de comprar mais material e um bom jogo de machos em hss (aço rápido), e que fizeram o resto do trabalho com menos esforço.

Creio que me esqueci de tirar algumas fotos nesta altura, mas o trabalho tinha de avançar.


O próximo passo eram os espaçadores/distanciadores.
Para estas peças usei varão de 8mm e comecei por desbastar até 6mm uma ponta suficiente para 3 ou 4 fios de rosca.
Com recurso a um cassonete abri essas pontas roscadas.



Voltei a colocar os varões de 12mm no engenho de furar e alarguei todos os furos para 8mm, em cerca de 2mm de profundidade.
Este passo cria uma caixa que permite aos espaçadores/distanciadores encaixarem no varão mais grosso e assim ocultar algum vestigio de rosca.



Para a outra ponta destas peças  (lado de apertar no movel) fiz uma nova guia.
Num varão de ferro quadrado fiz um furo piloto de topo a topo de 4,5mm, depois alarguei para 8mm mas so metade da distancia.



Assim não há desvios e os 8 furos ficam sempre centrados.





Ficou bem centrado e ja tem as roscas abertas.





Mais uma fase concluída





Como os varões estao cheios de marcas de manuseio, riscos, pequenas mossas etc. Nesta fase vou tratar de polir, ou melhor acetinar.
Começo por proteger o material afim de poder prender em segurança novamente na bucha do engenho de furar.



Depois é so deixar a lixa 600 fazer o trabalho



Depois do polimento fiz a montagem definitiva, mas algumas pontas de rosca dos espaçadores estavam ligeiramente tortas.
(Trabalhos feitos a olho😬😬)



Com uma ligeira correção  (pancadinha) ficaram





Ontem foi o dia da montagem

Depois de montar o puxador as gavetas deste armario não podiam abrir.



Ocorreu-me varias soluções, mas nenhuma era rapida.
Esta foi a minha perdilecta, penso que não ficou nada mal.



O resto foi só fazer furos e a obra ficou pronta.

« Última modificação: Domingo, 02 de Julho, 2017, 18:54:44 pm por pajo »
Se não sabes? -não mexas!
Se não gostas? -não estragues!
Mas isso, NÃO TINHA PIADA NENHUMA!!!

GLFaria

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 833
    • Ver Perfil
Re: Puxadores em inox
« Responder #1 em: Domingo, 02 de Julho, 2017, 18:10:29 pm »
Boa tarde a todos.

As minhas desculpas, não tenho andado muito activo - o tempo passa cada vez mais depressa e eu estou cada vez mais lento... - e ainda devo uma informação ao FMoreira.

Pajo, muito sofre o seu engenho de furar! E muita paciência ou vontade de trabalhar tem o pajo! Vou dizer-lhe um segredo, não sei se está ao corrente, há à venda puxadores de muitos tipos, não é preciso fazê-los  :laugh:

Uma dica que possívelmente conhece mas que pode servir para outros:
Uma maneira fácil de marcar dois ou mais furos alinhados num objecto cilíndrico é utilizar como guia uma cantoneira (que não esteja torcida...  :)). Encosta-se a cantoneira ao objecto e marcam-se os furos alinhados com um lápis, um riscador, ou o que der jeito.
No caso de um cilindro metálico, se não estiver pintado ou de outra maneira "colorido", o velho truque para a marca do riscador ficar bem visível é pintar a área onde vão aproximadamente ficar os furos com uma caneta de feltro, indelével de preferência (agarra melhor ao metal).

Fiz umas fotografias para ficar mais claro, mas recebo uma mensagem de erro informando que “não é possível aceder à pasta dos ficheiros das fotos”. Usei o método de sempre para anexar fotografias.
Quando tento enviar novamente a mesma mensagem (isto é, sem a escrever de novo), depois de eliminar as fotos, recebo nova mensagem de erro, desta vez dizendo que já enviei esta mensagem. Mas não a vejo no fórum.

Já é a segunda vez que isto me acontece ao tentar enviar anexos.
Alguém me sabe explicar o que se pode estar a passar?

pajo

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1383
    • Ver Perfil
Re: Puxadores em inox
« Responder #2 em: Domingo, 02 de Julho, 2017, 19:26:39 pm »
Viva GLFaria🙋, havia algum tempo que não via (lia) por aqui.
Eu tambem não tenho estado muito activo.

Demorei muito tempo a fazer este post, tambem tenho tido dificuldades em carregar fotos, algumas tive de repetir duas ou três vezes.

Claro que sabia dos puxadores ''prontos a usar'' mas o problema e, são sempre os mesmos: medidas standarizadas, portas não stendarizadas , 2 puxadores teêm menos 3cm do que os outros.

Depois a questão do preço, gastei cerca de 20€ em material (incluindo os erros), os puxadores semelhantes  que encontrei custavam perto disso, cada um, sem marca. Se optar por uma Tupai o preço dispara para cima do dobro e eu precisava de quatro.

E isto tem sido só desculpas porque o verdadeiro motivo é sempre o mesmo.
O prazer de ser eu a fazer é impagável.
Quando saio da garagem venho como novo, cansado mas rejuvenescido.

O motivo porque usei aqueles metodos para manter os furos alinhados e simples, as folgas da arvore tão comuns a estes engenhos, mal a broca toca na peça tem uma tendência natural de desvio para a direita.

E pode rever a reportagem, agora já esta completa.
Se não sabes? -não mexas!
Se não gostas? -não estragues!
Mas isso, NÃO TINHA PIADA NENHUMA!!!

GLFaria

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 833
    • Ver Perfil
Re: Puxadores em inox
« Responder #3 em: Domingo, 02 de Julho, 2017, 23:28:23 pm »
Ora, estava a brincar. Sei da sua energia e do seu prazer em "fazer coisas". E o resultado está muito bom. Mas eu não me teria metido a fazer isso, já passou o tempo...

Os puxadores em que estava a pensar são estes do IKEA:  http://www.ikea.com/pt/pt/catalog/products/60138759/
Por junto, acabam por ser mais do que 20€, e também não sei se as medidas serviriam.

Quanto à "guia" para fazer os furos, acho muito bem. Espanta-me é que o seu engenho tenha resistido a furos de 12mm, mesmo que o material a furar fosse ferro. Não me atrevo a fazer isso no meu.

pajo

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1383
    • Ver Perfil
Re: Puxadores em inox
« Responder #4 em: Segunda, 03 de Julho, 2017, 00:26:51 am »
GLFaria fique descansado que não levo a mal 😊

O engenho das fotos e o do meu cunhado, o meu é o azul, o que tem a redução de velocidade.
No meu ja tenho usado brocas de 17mm mas neste cinzento tudo que passe 12mm fica assustadoramente perigoso (na minha opiniao)
Não é uma solução mas dá-me alguma segurança, quando uso brocas acima de 5mm nunca estico a correia, assim quando prende por algum motivo não esforço demasiado os motores.
Se não sabes? -não mexas!
Se não gostas? -não estragues!
Mas isso, NÃO TINHA PIADA NENHUMA!!!

Stromlinie

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 467
    • Ver Perfil
    • Multisubjects, Lda.
Re: Puxadores em inox
« Responder #5 em: Terça, 04 de Julho, 2017, 00:08:11 am »
Já é a segunda vez que isto me acontece ao tentar enviar anexos.
Alguém me sabe explicar o que se pode estar a passar?

Boa noite!

Eu também tenho tido esse problema quando tento publicar fotos com artigos, e depois acabo por perder o texto e já não publico nada...

É isto e o fórum que está leeeeeeeeeeeeento. Ou só sou eu a achar isso?
Boa bricolage, em segrança,

Stromlinie

GLFaria

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 833
    • Ver Perfil
Re: Puxadores em inox
« Responder #6 em: Terça, 04 de Julho, 2017, 00:56:15 am »
Está lento, está. Principalmente na escrita.

Quanto a recuperar o texto, ele está lá.
Clicando em "voltar" (logo por baixo da caixa que contém a mensagem de erro), aparece de novo a caixa de resposta - sem os anexos.
Mas... se então tentar enviar, este maravilhoso software responde-lhe que "já enviou esta mensagem"

A maneira que encontrei de dar a volta a esta última situação sem ter de escrever tudo de novo foi:
Selecionar o texto que escrevi antes
Copiar-colar para word
Selecionar o texto no word
Copiar-colar para uma nova caixa de resposta

Método um bocado "chinês" e, claro está, não permite integrar as fotografias.

Não sei se isto terá a ver com o facto de eu ir buscar as minhas fotografias a ficheiros JPEG que guardo nas minhas pastas do Windows. Mas antes fazia o mesmo sem problemas...