Autor Tópico: como fazer portas de correr  (Lida 10813 vezes)

riccky

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 14
    • Ver Perfil
como fazer portas de correr
« em: Segunda, 25 de Abril, 2011, 02:04:44 am »
 ando a fazer uma cozinha na garagem para patuscadas com os amigos. E se comecei apenas com ideia de ter uma mesa e umas cadeiras agora ando a tentar deixar aquilo o menos mal possível. Fiz uns armários em tijolo forrados a ajulejo ( a imitar tijolo burro) e agora estava a pensar em colocar-lhe portas de madeira de correr (pensando que era mais fácil. o problema é que tenho que fazer um pequeno entalhe nas tabuas para encaixar na calha.
 E até comprei um objecto para o berbequim que daria o efeito que eu pretendia mas aquilo destrói-me a tábua toda, e o mesmo acontece com um que serviria para arredondar as quinas da tábua.
 A minha pergunta é se aquelas ponteiras darão para os berbequins normais ou terão que ser uns próprios. Obrigado desde já.

riccky

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 14
    • Ver Perfil
Re:como fazer portas de correr
« Responder #1 em: Segunda, 25 de Abril, 2011, 02:10:38 am »
 E já agora, depois vou arriscar-me a fazer uns armários na parede, mas estou com bastante receio de gastar dinheiro e não ficar bem. Alguém já fez ? o que aconselha?

tmiguel

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 6
    • Ver Perfil
Re:como fazer portas de correr
« Responder #2 em: Terça, 26 de Abril, 2011, 12:15:52 pm »
Olá Riccky!

Penso que os objectos para o berbequim que se esteja a referir sejam fresas, certo?! Existem inúmeras fresas (feitios, tamanhos, utilização, etc) que servem para o que quer. Algumas são feitas para utilizar numa tupia, outras podem ser utilizadas no berbequim.
Como é que utilizou as fresas?! É que para conseguir melhores resultados o processo deve ser: Ferramenta parada (i.e. berbequim fixo a uma mesa) e a madeira a deslizar encostada a um batente, de forma a ir fazendo o corte ou entalhe na peça!

Se não tiver possibilidade de fixar o berbequim, pode tentar fazer o entalhe para à mão, com a ajuda de um pequeno formão.

Espero ter ajudado!!!

Cumprimentos,
Tiago

cerdeira

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 259
    • Ver Perfil
Re:como fazer portas de correr
« Responder #3 em: Terça, 26 de Abril, 2011, 12:18:04 pm »
o problema é que tenho que fazer um pequeno entalhe nas tabuas para encaixar na calha.

mas q tipo de entalhe?
se é uma ranhura a todo o comprimento tem q usar uma tupia e uma fresa de ranhurar.
se é apenas um furo rectangular um formão serve. dependendo da localização tb pode usar um berbequim montado
numa coluna e uma broca (de preferência forstner q permite fazer furos sobrepostos)

E até comprei um objecto para o berbequim que daria o efeito que eu pretendia mas aquilo destrói-me a tábua toda, e o mesmo acontece com um que serviria para arredondar as quinas da tábua.

serão fresas? fotos pf.
se forem tem q usar uma tupia, o berbequim não tem rpm suficiente e além disso nao dispoe duma base adequada e duma guia
própria como as tupias.

E já agora, depois vou arriscar-me a fazer uns armários na parede, mas estou com bastante receio de gastar dinheiro e não ficar bem. Alguém já fez ? o que aconselha?

há inúmeras maneiras de fazer armários. desde o quick & dirty ("despachar") até ao trabalho de qualidade.
IMHO a técnica mais acessível é a de usar encaixes com furos e cavilhas e eventualmente parafusos q é a usada naquele tipo
de armários brancos de casa-de-banho.

arranje paineis de mdf ou aglomerado melaminado de 18mm minimo já cortados à medida (a nao ser q queira investir em ferramentas como serra circular), marque o local dos encaixes, faça uns furos espaçados cerca de 10cm nas faces e topos das placas a montar. os furos tem q alinhar uns com os outros. (há umas peças metálicas com uma ponta cónica q se colocam temporariamente nos furos e permtem marcar a sua localização na outra peça). depois coloque as cavilhas do mesmo diametro com cola e grampeie.
se os furos ficarem justos e a cola bem aplicada, isto aguenta bem umas dezenas de kg.


riccky

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 14
    • Ver Perfil
Re:como fazer portas de correr
« Responder #4 em: Terça, 03 de Maio, 2011, 20:46:17 pm »
 obrigado aos que responderam . De facto o problema é que o berbequim nao tinha rotações suficientes para as fresas. Entretanto já comprei uma tupia. Objecto que desconhecia , antes de ler aqui sobre ele nas vossas respostas. Já a utilizei e gostei do resultado em alguns rebordos que fiz.
 Já em relação á ranhura para a porta de correr acho que vou desistir. Porque não encontro calhas á medida para paineis mdf, e porque desconfio que mesmo que encontrasse as portas nunca iriam deslizar em condições.
  Talvez se lhe conseguir adaptar alguma espécie de esferas, ou então opto mesmo por portas de abrir.

quimmaraes

  • Jr. Member
  • **
  • Mensagens: 50
    • Ver Perfil
Re:como fazer portas de correr
« Responder #5 em: Quarta, 04 de Maio, 2011, 12:05:43 pm »
Viva.

Então depois de comprar a ferramenta adequada desiste? Quase que me propunha a fazer-lhe a retoma da tupía.

Dependendo da relação altura/largura, a ranhura e aplicação directa da porta era simples demais, não sei porque desistiu. Efectivamente os roupeiros têm rolamentos apropriados, mas pela altura e peso das portas.

Não venho dar nenhuma sugestão, apenas salientar o aspecto de que devemos ter sempre presente o fim que pretendemos atingir antes de tomar decisões como comprar uma tupía para depois encostar na prateleira. Mesmo que a tivesse utilizado para esse fim particular.

Não tome por favor este comentário como uma critica pessoal. Trata-se apenas de demonstrar um princípio pelo qual me tento reger, que é não comprar nada que não renda o dinheiro que pago. E olhe que mesmo assim também caio no erro, de vez em quando. Apenas quis aproveitar este caso que é adequado para demonstrar este meu princípio.

Deixe-me dar um exemplo:

Ainda ontem fiz um molde para layout das ferragens de umas janelas que vou fazer (mas que o meu pai irá soldar). O ferro utilizado é cantoneira e ferro "T", ambos de 3mm de espessura. O que fiz foi utilizar restos de contraplacado para criar um layout de ranhuras onde o ferro, já cortado à medida, assenta sem que o soldador tenha que se preocupar com esquadrías. A placa (resto defeituoso) retalhei eu próprio porque tenho acesso a uma esquadrejadora, coisa que porventura poucas pessoas terão.
Mas como o ferro não tem ângulos perfeitos, precisava eliminar as quinas antes de fixar cada elemento na base de suporte.
Em vez de andar com rebarbadeira (ou rebarbadora), berbequim e aparafusadora, fui a um marceneiro e pedi que fizesse a quebra na tupia deles. Para quebrar a quina quase que qualquer fresa com ângulo servia, pelo que a que estava montada serviu na perfeição.
Com recurso a pistola de pregos, e utilizando aparas de mdf de 3mm que retiramos do balde do "lixo" local para separar as peças, construí o molde em 2 minutos, tendo gasto no total cerca de 10 minutos do tempo do marceneiro (sem contar com os 20 minutos gastos no fim a pôr a conversa minimamente em dia).

Conclusão: por 5 Euros, poupei um monte de trabalho, de consumíveis e, sobretudo, de tempo. Eu fiquei satisfeito e o marceneiro com mais 5€. Façam amigos nas oficinas locais. Podemos sempre precisar uns dos outros, e enquanto que nós nos vamos habituando a ter em casa ferramentas que compramos para estarem a maior parte do ano na prateleira, as ferramentas das oficinas são melhores que as nossas (por norma, pelo menos) e justificam diariamente o investimento feito na sua aquisição.

E penso que já chega.
Cumprimentos ao fórum,
jG

riccky

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 14
    • Ver Perfil
Re:como fazer portas de correr
« Responder #6 em: Quarta, 04 de Maio, 2011, 21:06:07 pm »
  Não foi uma questão de desistir. A questão é que como estava a pensar utilizar paineis mdf por serem mais baratos, mas a fresa ao fazer o entalhe não faz um entalhe limpo e esmiola aqui e além. Depois as calhas que encontrei no Aki e no bricomarché são 1 mm mais finas que os paineis logo não cabem lá. Então teria que ver de calhas por outro lado, por isso digo que tendo isto em conta devo optar por portas de abrir.
  Quanto á compra da tupia , reconheço que de quando em vez cedo a impulsos. Mas não foi um má compra , porque dá para fazer os rebordos das portas e talvez algum relevo. E também já a utilizei na construção de um bar lá na cozinha. Comprei barrotes dos mais baratos e arredondei-os todos com a tupia.
  Se vai para a prateleira depois disto? Vai? Mas , por exemplo , á 2 anos comprei uma serra circular para um pequeno trabalho, e depois de 2 anos na prateleira já me deu e vai dar muito jeito agora.
  Quanto ás ajudas nas oficinas, pelo menos dos que eu conheço, parece que nem quando uma pessoa lhe paga ficam simpáticos. Ainda á uns meses pedi a um serralheiro para nos soldar uns ferros para umas balizas para uma associação. Deixamos la os ferros e passado quase meio ano ainda nada e a resposta é que logo vai.
 E o caso pior foi o ano passado que ao fazer um furo na garagem com o berbequim em cheio num tubo da água. Chamei o canalizador que tinha ganho um balúrdio 4 anos antes na construção da casa e nunca lá apareceu ( e é da minha aldeia). Claro era um biscate, não lhe cheirou. Mas também de mim não ganha mais um cêntimo. Ainda agora para esta cozinha entreguei o serviço a outro.
 Mas obrigado pelas opiniões. Prometo colocar aqui umas fotos no final




quimmaraes

  • Jr. Member
  • **
  • Mensagens: 50
    • Ver Perfil
Re:como fazer portas de correr
« Responder #7 em: Quarta, 04 de Maio, 2011, 23:43:28 pm »
Olá a todos.

Uma vez mais, apenas aproveitei o seu caso para falar de um aspecto pouco abordado, o de "sub-contratar" pequenos serviços. Acredite que a questão de fazer compras impulsivas também se aplica a mim, apesar de irmos aprendendo com os erros.

E porque o meu exemplo estava fresquinho, bora lá eu todo espigadote e cheio de entusiasmo a escrever um testamento. Mas porque correu bem, admito. Reconheço que tem tido azar com as pessoas a quem tem recorrido. É efectivamente pena que assim seja, e espero que isso não o demova de travar amizade com outros profissionais. Há gente boa em todo o lado, acredite.

Mas as fotos, ora isso é que era!!

Cumprimentos a si e ao fórum,
jG

cerdeira

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 259
    • Ver Perfil
Re:como fazer portas de correr
« Responder #8 em: Quinta, 05 de Maio, 2011, 13:04:41 pm »
  Não foi uma questão de desistir. A questão é que como estava a pensar utilizar paineis mdf por serem mais baratos, mas a fresa ao fazer o entalhe não faz um entalhe limpo e esmiola aqui e além.

provavelmente está a usar uma fresa direita para ranhurar ao longo duma peça com pouca espessura e q nao proporciona base estável para a tupia.

deve utilizar uma fresa deste tipo, que ranhura de lado:



Citar
Depois as calhas que encontrei no Aki e no bricomarché são 1 mm mais finas que os paineis logo não cabem lá.

faça a calha voce mesmo a partir duma peça de madeira e uma fresa direita. nao se esqueça de q a calha (e a ranhura) superiores devem ter cerca do dobro da altura das de baixo para poder colocar (e remover) a porta

já agora, foi após adquirir uma tupia (uma bosch pof500, se me lembro), q entretanto já se queimou, q comecei a ficar obcecado com isto das marcenarias. a tupia + as fresas são utensílios muito versáteis e permitem com "jigajogas" adequadas fazer muita coisa, embora nem sempre da maneira mais eficiente como fui aprendendo ao longo do tempo.

pessoalmente, se me entrego a uma actividade, mesmo como hobby ocasional, prefiro ter as ferramentas adequadas em vez de andar a pedir. assim faço como quero, onde quero e quando quero.